Sony promete revolucionar o gameplay com o DualShock 5 Tempo de duração da bateria não foi especificado.

@universe-games

O site WIRED revelou, nessa terça(8), algumas novidades do PlayStation 5. As informações são oficiais e vieram dos projetistas envolvidos com o desenvolvimento do novo console. O console terá muitas melhorias e chega em 2020, segundo os entrevistados. O DualShock 5, por exemplo.

Uma destas pessoas-chave é Mark Cerny, principal mente por trás do hardware, que falou sobre o acessório. Embora o engenheiro tenha dito que esse “novo controlador” ainda não tenha um nome, ele já possui muita coisa nova a apresentar.

O DualShock 5 promete ser um diferencial na experiência dos jogadores. Uma das inclusões é “gatilho adaptável”, capaz de oferecer níveis variados de resistência e pressão de acordo com o jogo. Por exemplo: em um game com arco e flecha, ao esticar o arco, o nível de tensão aumenta quando o personagem na tela puxa a flecha para trás; em jogos de tiro, uma espingarda será muito diferente de um fuzil de assalto.

Os próprios controles poderão ser “programáveis”, já que vão oferecer um feedback tátil diferente. Ou seja: os programadores poderão regular o nível vibração ou som.

Essa tecnologia háptica vai oferecer sensações bem diversificadas. No artigo, o jornalista, que já experimentou alguns dos recursos, explica que no comando de um personagem em uma demonstração, pôde perceber variados níveis de imersão pela mãos.

Quando seu personagem andava pela areia, o DualShock 5 reproduzia uma sensação “lenta e escorregadia”; na lama, mais mole e pegajosa; na água, sentiu uma resistência – e assim por diante.

DualShock 5 potencializará tecnologia já existente

Já há jogos que se aproveitam disso. Gran Turismo Sport, rodando em um devkit do PS5, ofereceu sensações bem diferentes entre uma pista de asfalto e em cenários com terra – segundo os autores da matéria.

Na verdade, essa tecnologia já existe dentro da Sony há um tempo. Os japoneses vêm trabalhando em um novo controlador desde 2013 – ano em que o PS4 foi lançado. Eles poderiam até ter feito isso no PS4 Pro, mas a companhia optou por não oferecer uma “experiência dividida” entre os jogadores da mesma geração.

Por fim, o artigo esclarece: o DualShock de próxima geração vai usar um conector USB do Tipo C e também será possível jogar com cabos. Contudo, não houve menção ao tempo de duração da bateria, ponto falho do DualShock 4. Toshi Aoki, gerente de produto, disse que novo modelo vai ser mais pesado que o DS4 e mais leve o controle de Xbox One.

O PlayStation 5 vai ser lançado no final de 2020 e você pode conferir tudo sobre ele aqui.